Marceneiro ganha direito de trabalhar nu nos EUA
14/09/2007

Um marceneiro americano ganhou na Justiça o direito de trabalhar nu. A corte do condado de Alameda, no Estado da Califórnia declarou que Percy Honniball não é culpado das acusações de exposição indecente ao cortar e martelar nu em Oakland.

A juíza Julie Conger afirma que apesar do trabalhador estar sem roupa, ele não agiu libidinosamente ou procurando gratificação sexual. Honniball, 51 anos, foi detido no ano passado após ser visto construindo estruturas de madeira em uma casa sem nenhuma roupa.

O marceneiro disse que gosta de trabalhar nu porque é mais confortável e ajuda a manter suas roupas limpas. Honniball enfrentou dois processos em 2003 após ser pego três vezes trabalhando nu em Berkeley, que proíbe nudez em público. A cidade de Oakland não possui lei semelhante.

Fonte: Portal Terra (www.terra.com.br)